Inscrição no Cadastro Único não garante liberação imediata do Bolsa Família

Foto: MDSA

Toda família que possui renda per capita de R$ 85,00 (sem filhos) ou até R$ 170,00 (com filhos), têm direito ao Bolsa Família.

Todavia, a liberação do benefício não é imediata, pois depende de fatores como menor renda per capita, se a família pertence a grupos específicos (indígena ou quilombola), verba orçamentária do Governo Federal, se o município dispõe de vagas conforme a estimativa de famílias pobres entre outros.

Porém, ainda assim o direito ao benefício é assegurado bastando a família manter o cadastro atualizado.