Carteira de Trabalho assinada não impede da família participar do Bolsa Família

Imagem: MDSA

Muita gente não sabe, mas trabalhar com carteira assinada não impede da família ser beneficiária do Bolsa Família. Contudo, é preciso avaliar o valor da renda, a quantidade de pessoas na casa e o tempo que está trabalhando.

Com essas informações, o sistema vai calcular a menor renda obtida nos últimos 12 meses e dividir pelo número de pessoas. Há ainda o que chamamos de Regra de Permanência, ou seja, é quando a renda ultrapassa o perfil do benefício, mas a família o recebe por mais dois anos a fim de garantir sua estabilidade financeira.

Em todos os casos de emprego ou desemprego, a família tem a obrigação de manter os dados atualizados a cada dois anos ou quando há alteração na renda, composição familiar ou endereço.